Show simple item record

dc.creatorDi Diego Antunes, Elaine
dc.date.accessioned2017-07-21T19:11:17Z
dc.date.available2017-07-21T19:11:17Z
dc.date.issued1995
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10533/205996
dc.description.abstractAs atitudes gerenciais em relavao a participacao dos trabalhadores tem um significado importante no contexto competitivo da gestao da qualidade. Na investigacao dessa premissa, o objetivo deste estudo foi constituido pela análise comparativa das condicionantes, das implicacoes e de urna série de estratégias inovadoras implantadas em duas empresas, respectivamente dos setores metalmecanica e calvadista, sediadas na Regiao do Vale dos Sinos/RS. Nessas empresas, que apontam para urna mudanva no modelo de gerenciamento, com tendencia para o modelo participativo, foram entrevistados 36 representantes gerenciais. O intuito foi verificar, numa visao genérica, se as mudanvas macroambientais e as inovacoes organizacionais estao influenciando as atitudes gerenciais no sentido de requerer o uso e/ou a ampliacao da participacao dos trabalhadores no local de trabalho, explorando também suas conseqüencias. Os gerentes entrevistados acreditam que, em momentos de crise económica, faz-se mais necessário o incremento de políticas de RH, a fim de garantir a sobrevivencia, a eficiencia e a consolidacao das empresas num cenário mais competitivo. Para realizar o propósito do estudo, buscou-se: verificar as condicionantes e as razoes para o uso da gestao participativa (GP); compreender o significado da GP; definir as estratégias da GP utilizadas na prática; e conhecer as implicacoes da GP sobre os representantes gerenciais (preparacao, responsabilidades, poder e controle), sobre os trabalhadores (limites da participacao) e sobre as empresas. Dessa forma, procurou-se conferir as seguintes suposicoes: I - O significado da gestao participativa para a gerencia é percebido como urna ferramenta para a obtencao da eficiencia e do controle empresarial; II - A participacao dos trabalhadores ocorre em circunstancias limitadas e delimitadas pela gerencia; III -As principais estratégias das empresas para estimular a participacao da forca produtiva, baseiam-se em investimentos na educacao básica e no treinamento específico. De modo geral, tanto a primeira quanto a segunda suposicao foram confirmadas pelos resultados do estudo. Embora a terceira suposicao nao tenha sido refutada, os dados inferiram que as estratégias da GP assumiram um espaco mais amplo na realidade das empresas pesquisadas.
dc.titleAtitudes Gerenciais Quanto A Participacao Dos Trabalhadores Na Gestao Da Qualidade
dc.typeLibro
dc.subject.materiaCyted


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record